Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘pela rua’ Category

criatividade em madeira & design

Estive ontem na feira da Madeira&Design aqui em São Paulo.
Adorei alguns detalhes que vi por lá, como estas placas de bambu tratado que podem ser aplicadas como forro bem como em paredes.
Ou este piso de madeira com detalhe de tocos: lindo!!!
Acho que a criatividade é sempre o “x” da questão que mostra a diferença: transforma o que seria descartado em algo lindo.
O espaço VIP foi projetado pelos meus queridos Peter Paiva, Patricia Fugisse e Maria Cristina Leite todo utilizando caixas descartadas de móveis. Não ficou lindo?
Um beijo e um sábado inspiradíssimo para vocês!
Anúncios

Read Full Post »

o pão do monge

São Paulo não é uma cidade fácil de morar.
Tem um trânsito infernal, perde-se um tempo enorme em deslocamentos, há problemas graves de segurança e no final das contas planejamos tudo com várias semanas de antecedência para tentar “ter agenda”.
É uma cidade que acaba enfraquecendo as relações humanas – às vezes é super difícil parar por uns minutos para tomar um café descompromissado ou passar pela casa do amigo/vizinho somente para dar um “oi” e saber como a pessoa está.
Porém quando eu morava no interior uma São Paulo dourada vivia em meu imaginário. (E confesso: meu sonho de adolescente era ter um namorado de São Paulo…tanto quis que casei com um paulistano da gema e me mudei para cá!)
Mas, voltando à história, São Paulo era assim, supimpa,  porque era aqui que tudo acontecia. Vir para São paulo era uma grande aventura, um grande fato.
As coisas realmente acontecem em São Paulo, as belezas da metrópole e a facilidade de acesso à cultura e aos meios é real. Mas também é real que a vida corrida da metrópole dificulta o acesso de quem nela vive a tudo que ela oferece.
Eu brinco que degusto São Paulo através de janelas do meu cotidiano. 
E nesta semana tive uma janela bem agradável.Tive que ir ao centro da cidade resolver alguns assuntos e parei o carro em frente ao Mosteiro de São Bento. Após toda a pendenga burocrática ser resolvida abri minha janela: atravessei a rua e entrei na Basílica.
Maravilhosa, perfeita, de uma paz encantadora. Uma joia encrustada no centro da cidade, cheia de beleza, cultura e vida. Após rezar e alimentar minha alma observando toda a beleza do lugar fui até a loja do Mosteiro.
Os monges produzem pães famosíssimos, tanto pela forma quanto pelo conteúdo.
Comprei alguns e vim para casa feliz, encantada pela embalagens, pelo atendimento cordial e pela janela que me permiti abrir.
Prometi que volto dia destes para o brunch famosão do mosteiro que acontece no último domingo de cada mês (que conta com venda de ingressos antecipada, como um típico programa paulistano).
Que as janelas se abram mais e com maior frequência.
Porque a vida brilha, todos os dias.
Beijo grande.
PS: Os pães são MARAVILHOSOS, valem cada caloria (benta!)
Acebei de ver! Eles tem loja virtual aqui: http://padariadomosteiro.e-bananas.com.br/

Read Full Post »

teia de aranha

Balanços dentro de casa estão virando moda.
Eu acho uma ideia bacana, liberta e divertida.
Na Espanha, em um parque público topei com este balanço, que mais parecia uma teia de aranha gigante.
Um claro convite para sentar e relaxar vendo o mundo em vai e vem.
Beijoca

Read Full Post »

abraçados

Outro dia eu fugi do agito que estava e consegui tomar um café tranquilo no meio da tarde com o maridex – juro que em mais de 11 anos de convivência esta foi uma das poucas vezes que conseguimos fazer isto juntos. 
Foi muito legal e necessário. Mas meus olhinhos curiosos não mudam: fico sempre reparando nos detalhes. Aí, máquina em punho: foto + post.
Adorei este arranjo simples, com três antúrios em um vaso pequeno.
Achei de uma delicadeza ímpar, pois a solução valeu-se de poucas flores com grande durabilidade e um suporte simples. O resultado me lembrava um abraço entre as flores, colocando uma simbologia toda especial.
Amei!
Ou seja, a beleza nasce das pequenas coisas e atitudes.
Sempre.
Beijo grande
PS: coloco também a fotinho do café e da mousse de limão com frutas vermelhas que comi. A delicadeza também vem de adoçarmos a boca! Marido: temos que fazer isto mais vezes!!!

Read Full Post »

árvore de pães

Vitrine de uma “Panadería” em Toledo (Espanha).
Mostrando que podemos expor nossas idéias das mais variadas maneiras… 
(e isto é muito legal ;-)
Beijo grande

Read Full Post »

espirituoso

Nome e placa de uma loja de doces em Santiago de Compostela.
Amei o trocadilho!

Read Full Post »

cortina de crochê

Nesta minha ida para a Espanha também visitei Toledo, uma linda cidade murada próxima a Madri.
Cheia de ruelas, encantos e armaduras (meu filho ficou enlouquecido por elas!).
Mas eu, para variar só um pouquinho, mirei meu foco nas casas e nos detalhes.
Adorei esta cortina de crochê que enfeitava a janela de uma casa.
Nunca havia pensado em crochê assim como uma cortina única, delicada e exclusiva.
Infelizmente, por mais que tente manter a mente aberta, o crochê me aparecia sempre em caminhos de mesa, toalhinhas e almofadas.
Ainda bem que trombei com esta cortina pelo meu caminho.
Sua beleza ficou marcada em minha memória – mas, acima de tudo, sua função me abriu um novo horizonte.
Beijo grande

Read Full Post »

Older Posts »