Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘bromélias’ Category

>beleza e morte

>

Sou super fã de bromélias imperiais (Alcantarea imperialis) lindas, imponentes e marcantes na composição de um jardim.
Já coloquei alguns exemplares na casa do papi e sigo sempre admirando sua beleza.


Mas é fato incontestável de que cada vez que a bromélia lança seu “pendão” ela está prestes a morrer.
Sim, porque a função do pendão é de florescer e marca o fim do ciclo produtivo da planta. Este espetáculo dura por cerca de 5 meses e depois, lentamente, a bromélia começa a secar.



O pendão pode atingir até 3,5 m de altura e, definitivamente, marca um ritual de uma saída com grande estilo – e beleza.
Beijoca
Anúncios

Read Full Post »

mexicanas

E para uma sexta feira com energia, imagens com ar, cor e alma mexicana.
Sou apaixonada pela profusão de padrões destes azulejos que tem em sua base as cores primárias (azul, amarelo e vermelho). Olhando um a um eles são bonitos, mas todos juntos é uma combinação de tirar o fôlego.
Aqui é uma vista mais distante do mesmo local que mostra a parede com um acabamento rústico, terroso e amarelo. Apaixonante!

Olha só as caveiras, típicas, e também pintadas em cores fortes com muitos adornos!

Esta dica simples de paisagismo: plantas de cultivo simples e de formatos distintos formam vasos belos e inusitados. No detalhe vemos que um deles é formado por bromélias, aloe vera (babosa) e um ripsalis. Não dá vontade de tentar fazê-los agora em sua casa?
O bonito é a estética do autêntico, do natural.
E para finalizar, três pilares de vida todos começados com a letra “A”

Beijoca

Read Full Post »

Olá!

Para iniciar a semana termino a série de fotos com a minha visita à Casa Cor SP.
Desta vez com as plantas – e, em se tratando de Flávia, não poderia ser diferente, não é mesmo?
Vamos lá!

A homenagem a Burle Marx – linda! – feita pela Gica Mesiara

Consegue ver esta ripaslis linda atrás da escultura? Ela ficou chique, não?
Este cactus “caracol” apareceu em vários ambientes. Acho que apaixonei…
Jardim do Bem Estar: Bromélias, orquídeas, vasos vietnamitas
Ih! Acho que eu poderia muito bem morar aí ;-)
Olha só a adequação das dracenas para os interiores. Elas resistem que é uma beleza!
E a Praça do Viveiro, inspiradíssima, por Marcelo Faisal.
Inspirem-se e respirem!
Boa semana ;-)
Beijoca

Read Full Post »

Olá!

Para iniciar a semana termino a série de fotos com a minha visita à Casa Cor SP.
Desta vez com as plantas – e, em se tratando de Flávia, não poderia ser diferente, não é mesmo?
Vamos lá!

A homenagem a Burle Marx – linda! – feita pela Gica Mesiara

Consegue ver esta ripaslis linda atrás da escultura? Ela ficou chique, não?
Este cactus “caracol” apareceu em vários ambientes. Acho que apaixonei…
Jardim do Bem Estar: Bromélias, orquídeas, vasos vietnamitas
Ih! Acho que eu poderia muito bem morar aí ;-)
Olha só a adequação das dracenas para os interiores. Elas resistem que é uma beleza!
E a Praça do Viveiro, inspiradíssima, por Marcelo Faisal.
Inspirem-se e respirem!
Boa semana ;-)
Beijoca

Read Full Post »

Bromélias e orquídeas estão sempre juntas (em muitos projetos), porque tem cultivos complementares e são plantas tropicais.

E, infelizmentem, sofrem do mesmo mal: acabou a flor? Lixo!
Não façam isto!!!!! Elas revivem e com GLAMOUR!
As bromélias adultas só florescem uma vez em estado adulto, porém emitem filhotes que continuaram com o ciclo e alimentando seus vasos, canteiros e até troncos de árvores.
Esta é uma foto de Janeiro de 2009

Enquanto estas, lindas, desenvolvidas e cheias de cores, são da mesma planta em Fevereiro.

Então, não vale a pena?

Beijoca

Para saber mais: Faz Fácil, SBBr e Jardim de Flores

Read Full Post »

Bromélias e orquídeas estão sempre juntas (em muitos projetos), porque tem cultivos complementares e são plantas tropicais.

E, infelizmentem, sofrem do mesmo mal: acabou a flor? Lixo!
Não façam isto!!!!! Elas revivem e com GLAMOUR!
As bromélias adultas só florescem uma vez em estado adulto, porém emitem filhotes que continuaram com o ciclo e alimentando seus vasos, canteiros e até troncos de árvores.
Esta é uma foto de Janeiro de 2009

Enquanto estas, lindas, desenvolvidas e cheias de cores, são da mesma planta em Fevereiro.

Então, não vale a pena?

Beijoca

Para saber mais: Faz Fácil, SBBr e Jardim de Flores

Read Full Post »

Tchan, tchan, tchan, tchan…. revelando a supresa, respondendo à pergunta de segunda-feira.
Como nossos cinco amigos a seguir apostaram, a casa da foto fica no interior:

Vivian, querida, votou para não ir com a onda – mas com uma lógica intrínseca que se mostrou correta;

Nilda, novata de comentários – bem vinda! Começou com o pé direito, hein?;

Regiane, do contra mas super certa ;-);

Carlos, na mosca! Sim, no interior de São Paulo;

Rita de Cássia, também primeiro comentário – e certeiro. Adorei!

Enganei vocês?

Não, não era a intenção, pois no fundo todo mundo tinha um pouco de razão por todas as alternativas de alguma forma evocarem algo do espírito da moradia:

da praia, esta casa tem o ar leve, as cores claras, os móveis de fibra;

do campo, o acolhimento, o espaço para relaxar;

da metrópole, as linhas contemporâneas;

e do interior, a sua real localização, aproveitando a segurança sem cercas que só uma cidade do interior proporciona.

E com isto colocado, suas imagens inauguram a seção Dècor As Casas aqui no DECORACASA.
Nesta proposta eu visito e mostro aqui casas reais, com gente morando mesmo – e não o pessoal do comercial de margarina – decoradas com bom gosto e bom senso.
Então, começando com esta linda casa que traz os ares praianos e tropicais para uma família no interior de São Paulo.
Aproveito para agradecer a gentileza com a qual sempre sou tratada e a permissão que me foi feita para fotografar e dividir estas imagens com vocês.
A casa tem uma alma branca, com esta cor predominando nos móveis, portas e na grande escada que emoldura o living. O toque natural vem do amplo uso de fibras naturais intercalado com espécies tropicais de plantas. O jardim de inverno propicia um uso inteligente para a caixa da escada, além de uma iluminação natural vinda do recuo da construção em relação ao terreno vizinho.
Jardim de inverno sob a caixa da escada conta com espécies tropicais, como bromélias, palmeira ráfia (Raphis Excelsa) e pata de elefante (Beucarnea Recurvata)
O grande espelho amplia o living e valoriza a chaise longue de palhinha rústica, criando um aconchegante canto para leitura e relaxamento.
Os estofados do living são de fibra natural, assim como a mesinha de canto. A mesa de centro é de madeira maciça, feita sob encomenda. As grandes janelas permitem a entrada da luz natural e a integração do ambiente externo ao interno. Para não interferir neste movimento, foram utilizados pufes.
A casa como um todo respeita a tríade branco-fibras-plantas tropicais, o que pode ser confirmado ao observar-se o lavabo, o home theater e até a escada de acesso à garagem.
Living com tapete em fibra natural

O lavabo conta com cestos em fibras para conter objetos e toalhas. A saboneteira também tem acabamento em fibra natural.

Detalhe da escada de acesso à garagem: mini cachepôs de junco com bromélias.
Quem disse que um cantinho mais escondido deve ser feio?
Solução inteligente no home theater: estante de alvenaria com baú e cestos para acomodar filmes e DVDs sem pesar no ambiente. As demais prateleiras têm porta retratos e poucos objetos, ressaltando a leveza da solução.

A alma da casa é a tradução da alma dos donos. Neste sentido o atelier da proprietária traduz em um espaço especial toda a criatividade, carinho e capricho com o qual esta mulher conduz seu trabalho, sua família e sua vida. E integra tudo isto à sua casa, seu ninho.
O atelier e suas criações mil: guirlandas, adornos de parede e até ímãs de geladeira. A marca personalizada da proprietária por toda a casa.”
Que nossos olhos e nossas casas inspirem-se e deleitem-se com estas imagens.
Obrigada pela participação de todos, com expectativas e comentários.
No próximo mês publico um novo Dècor As Casas, ok?
Beijocas.

Read Full Post »

Older Posts »